sexta-feira, 17 de janeiro de 2014

Canto Melífluo

Canto Melífluo
Efigênia Coutinho
 

A onde anda você com seus
murmúrios melodioso,por
todas ás manhãs com beijos
e abraços...dum bom dia!...
 
Sempre a segredar um dia
Futurecido, e renovando,
Sente que tem o poder de
entorpecer-me os desejos...

É você poeta...das loucuras,
que me causa estouvamento,
e que exerce encantamento,
fico do seu encanto demente!

3 comentários:

Henrique Rodrigues Soares disse...

Belíssimos versos! Encantadores!

Jorge Sader Filho disse...

Muito sugestivo verso, amiga Efigênia!
Gostei mesmo. Especialmente do final.
Beijo.
Jorge

António Jesus Batalha disse...

Ao passar pela net encontrei seu blog, estive a ver e ler alguma postagens é um bom blog, daqueles que gostamos de visitar, e ficar mais um pouco.
Eu também tenho um blog, Peregrino E servo, se desejar fazer uma visita
Ficarei radiante se desejar fazer parte dos meus amigos virtuais, saiba que sempre retribuo seguido também o seu blog. Deixo os meus cumprimentos e saudações.
Sou António Batalha.